Trabalhar com Eventos [Guia Completo e Definitivo 2020]

Se você deseja trabalhar com eventos encontrou o lugar certo. Criei um Guia passo a passo para ajudar você nesta jornada.

Para poder trabalhar com eventos, você precisa primeiro entender uma série de aspectos da área. Muitas são as dúvidas, principalmente daqueles que estão iniciando ou que pretendem iniciar no mundo dos eventos.

É muito normal inclusive, recém formados de alguma faculdade de eventos, ficarem perdidos e confusos quando pegam o seu diploma de formação em eventos.

Mas agora, quero que você fique bem tranquilo (a)! Pretendo com este artigo, solucionar de uma vez por todas estas questões. Prometo te ajudar! 🙂

Quando eu comecei a trabalhar com eventos (lá em… faz tempo… deixa pra lá… rsrs), tive muito pouca ajuda no início e acabei tomando os caminhos mais longos e difíceis.

No final tudo deu certo! A boa notícia é que você não precisa seguir por caminhos difíceis e confusos.

Prometo aqui, revelar tudo e te dar dicas valiosas para que você consiga trabalhar com eventos e ainda conquistar o seu espaço profissional dentro da área, ganhando dinheiro e fazendo o que gosta.

Então vamos ao que interessa!

PASSO 1: Conheça um pouco sobre o setor de eventos

Se você deseja trabalhar com eventos é fundamental conhecer um pouco mais sobre o setor. A área de eventos é imensa e com diversas ramificações. Vamos aos principais tipos de eventos:

  • Eventos Sociais: Casamentos, Festa de 15 anos, Noivados, Chá de bebê, etc…
  • Eventos Corporativos: Treinamentos, Convenções, Reuniões, Lançamentos, Feiras, etc…
  • Eventos de Entretenimento: Festas, Shows, Festivais, Eventos culturais, Baladas, etc…
  • Eventos Religiosos: Missa, Cultos, Rituais, Primeira comunhão, Shows religiosos, etc…
  • Eventos Esportivos: Corridas, Competições, Jogos de futebol, Amistosos, Olimpíadas, etc…
  • Turismo de Eventos: Viagens, Excursões, Rota Gastronômica, Passeios, Ecoturismo, etc…

Existem ainda outras subdivisões e categorias dentro do seguimento de eventos. Relacionei aqui, as que possuem maior representatividade em relação a economia e ao PIB do Brasil (geração de renda e empregos).

PASSO 2: Busque a sua identidade em eventos

Cada pessoa e profissional tem um determinado perfil. Em se tratando de trabalhar com eventos, cada tipo de evento possui características bem específicas.

Trabalhar em eventos pode te colocar em diversas situações, desde organizar cursos, seminários e palestras, uma festa ou casamento ou até quem sabe um dia estar no meio da produção de um grande evento como o Rock In Rio. Já pensou?

Sabendo desta grande variação, o ideal é que você primeiro estabeleça quais serão os primeiros tipos de eventos que você deseja ter contato.

Costumo dizer que aqui é o ponto de partida. Saber o que você gosta e o que você não gosta em eventos.

Entender o que você se identifica é fundamental para alcançar o sucesso na área.

Mas Murilo, eu nem conheço direito o setor de eventos! Como vou saber o que eu posso gostar mais e o que eu não irei gostar dentro de eventos?

Antes de responder esta pergunta quero fazer uma observação importante! Trabalhar com eventos (de qualquer tipo), significa estar disponível para fazer determinado evento acontecer.

Na prática, significa não ser uma pessoa comum. Significa “estar disponível sempre” e ter a habilidade e a capacidade de fazer mil e uma coisas ao mesmo tempo.

Trabalhar com eventos requer disponibilidade para em muitas casos ter que trabalhar em horários não convencionais, finais de semana e feriados.

Trabalhar com eventos requer uma mentalidade de conveniência. Você estando disponível para qualquer necessidade que possa surgir.

Me lembro que quando comecei a trabalhar com eventos um colega comentou: “Enquanto uns comem o peru de Natal, nós servimos”. Acho que esta citação resume bem o que eu estou querendo te dizer.

Mas agora, vou tentar te dar uma luz, destacando as principais características dos tipos de eventos já mencionados (vai facilitar um pouco a sua decisão):

  • Eventos Sociais: Você irá trabalhar diretamente com pessoas físicas de todos os tipos e perfis, gostos, crenças, etc… Pode parecer simples, mas você terá que ter a habilidade de lidar com pessoas, deixando muitas vezes seus gostos e crenças de lado.
  • Eventos Corporativos: Você irá trabalhar com pessoas jurídicas (empresas) onde o foco está no resultado e no retorno sobre o valor investido no evento. Se trata de um ambiente de muita pressão, com nível de exigência altíssimo (inclusive curricular em termos de estudo e formação).
  • Eventos de Entretenimento: Na maioria dos casos você irá trabalhar em ambientes de baladas e festas. Possivelmente a rotina será noturna e você vai trocar o dia pela noite. Você terá que ter disponibilidade para trabalhar nos fins de semana e muita paciência para suportar o público destes eventos (muitos vão beber além da conta e você vai ter que saber lidar com isso).
  • Eventos Religiosos: Você irá trabalhar para alguma instituição ou religião. Geralmente os ambientes são extremamente formais e repletos de rituais com pouquíssima aceitação e flexibilidade para mudanças. Acredito que ter certa identidade com a causa pode fazer muita diferença.
  • Eventos Esportivos: Você terá que ter certa identidade com a prática esportiva (ou determinado esporte). Estar disposto a fomentar a prática esportiva através dos eventos. Vestir a camisa literalmente.
  • Turismo de Eventos: A grande maioria das oportunidades estão concentradas na rede hoteleira. Hotéis em geral, tem rotinas intensas e trabalhar nos fins de semana é normal para os profissionais deste seguimento.

PASSO 3: Saiba quais as possibilidades para se trabalhar com eventos

Basicamente você poderá trabalhar com eventos seguindo algumas das opções a seguir:

  • Trabalhar como Freelancer (ou Freela) de eventos

Acredito que esta opção seja a porta de entrada para a maioria das pessoas no início de carreira (foi a minha inclusive).

Muitas pessoas buscam oportunidades em eventos somente para fazer um extra como complemento de renda e não tem qualquer interesse em construir uma carreira mais consolidada dentro de eventos (não tem problema algum se você se identificar aqui).

Posso citar como exemplo um estudante de Direito que usa a renda de eventos para pagar parte ou a totalidade dos seus estudos. Cito este exemplo, pois tenho um amigo que iniciou comigo em eventos (a muitoooo tempo….rsrs) e hoje é um Advogado bem sucedido.

Existem também outras pessoas que possuem o objetivo de adquirir experiências, visando um crescimento dentro de algum seguimento de eventos para no médio e longo prazo ter uma carreira consolidada e de sucesso dentro da área (meu caso).

Independente do seu objetivo, entenda que trabalhar como freelancer de eventos é prestar um serviço avulso (por diária), conforme a demanda da empresa que estará te contratando.

O fluxo de trabalho dependerá muito da demanda de eventos de sua região, do porte da empresa e de uma série de outros fatores.

Se você deseja trabalhar como freelancer de eventos, recomendo que possua cadastro e várias empresas de eventos da sua região com o objetivo de “se mostrar para o mercado” e obviamente garimpar e trazer o maior fluxo de trabalho possível.

  • Trabalhar em alguma Empresa de eventos

Me refiro aqui as oportunidades fixas dentro de alguma empresa que atua com eventos. Muitas pessoas preferem esta opção para poder ter um emprego fixo, renda mensal, registro em carteira, benefícios, etc…

Se este for o seu caso, recomendo que foque nas empresas e produtoras de eventos de médio e grande porte, onde há uma maior concentração de oportunidades de vagas.

  • Fazer estágio em uma Empresa de eventos

Opção específica para estudantes universitários dos Cursos de Turismo, Turismo de Eventos, Eventos, Marketing, Publicidade e Design.

Se este for o seu caso, recomendo que busque vagas em empresas que atuam em um determinado seguimento de eventos que você goste.

Esta etapa pode ser considerada o início da sua carreira e por isso você deve dar muita importância e analisar as opções e oportunidades de estágio disponíveis.

Porque iniciar trabalhando em um hotel por exemplo, se você odeia este seguimento e prefere trabalhar com festas e shows? Analise estas questões antes de sair mandando currículo…

  • Abrir a sua própria Produtora ou Empresa de eventos

Se você tem espírito empreendedor, já tem um pouco de experiência em eventos e está disposto a encarrar os desafios em ter um negócio próprio, talvez você deseje ter a sua própria empresa de eventos.

Recomendo que você realize um bom planejamento, entenda o mercado de eventos em sua região, seus concorrentes, tenha capital suficiente, etc…

No Brasil, a taxa de mortalidade de empresas em seu primeiro ano de atuação é altíssima! Compartilho esta informação não para que você fique com medo e sim para que você ESTEJA PREPARADO!

Invista também em conhecimento (cursos de eventos, livros, treinamentos, mentoria, etc…). Só o conhecimento elevará o seu nível profissional e por consequência o da sua empresa de eventos.

  • Seguimentos de eventos para busca de oportunidades

Como já mencionei anteriormente, o setor de eventos é gigantesco. Vou tentar te ajudar, relacionando abaixo os principais seguimentos de eventos:

Opções para trabalhar com eventos: Espaços e Locais de eventos, Empresas que prestam serviço de Alimentação e Bebidas em eventos, Locação de materiais, acessórios e mobiliários para eventos, Montadoras de stands, Montadoras de palcos para Shows, Empresas de Audiovisual (sonorização, iluminação e projeção), Decoração de eventos, Cenografia de Eventos, Comunicação visual, Brindes corporativos, Lembrancinhas, Materiais promocionais, Produção de trajes e figurinos, Design aplicado para eventos, Impressão gráfica, Fotografia e Filmagem, Recreação e animação de eventos, Agência de artistas e celebridades, Agência e produtora de eventos, Agência de marketing e eventos, Agência de promoção e eventos, Panfletagem e divulgação, Hospedagem, Transporte de pessoas, Logística de materiais, Serviços especializados utilizados em eventos, dentre muitas outras opções.

PASSO 4: Invista em conhecimento

Para trabalhar com eventos não é necessário ter curso superior. Obviamente que um curso superior irá te distanciar da concorrência do mercado (que por sinal é muito grande!).

Se optar em fazer alguma faculdade, recomendo as mais direcionadas para eventos.

Mas Murilo, preciso ser formado em eventos para trabalhar com eventos? Definitivamente não!

Conheço Administradores de empresas (Eu no caso), Advogados, Engenheiros, Nutricionistas e profissionais com formação em áreas variadas que construíram uma carreira de sucesso em eventos.

Todos estes profissionais citados só conseguiram chegar lá porque investiram em “conhecimento sobre eventos”. Aqui posso citar: curso de eventos, livros, treinamentos, mentoria, palestras, idiomas, experiências práticas e networking.

Sabendo disso, você entende a necessidade de investir no seu conhecimento? Você entende que somente o conhecimento poderá fazer você vencer dentro da área de eventos?

Se você deseja iniciar de forma rápida, sugiro fazer um bom curso de eventos. Em pouco tempo, você estará pronto para o mercado e poderá ir em busca das oportunidades.

PASSO 5: Invista na sua apresentação

Existem 2 frases e citações que eu adoro:

Esta é um ditado popular: “A primeira impressão é a que fica”.

Esta tem origem no mundo da moda: “O mundo trata melhor quem se veste bem”.

Parece óbvio, mas infelizmente com frequência me deparo com situações muitas vezes desagradáveis que comprometem muito a imagem de profissionais e empresas de eventos.

Abaixo relaciono os principais erros (não cometa por favor!):

De empresas de eventos:

  • Não tem um site (só página do Face…);
  • Não tem cartão de visitas;
  • Não tem uma apresentação ou portfolio da empresa;
  • Não tem uma proposta de orçamento padrão com logotipo (manda em texto por zapzap…);
  • Atende o telefone como se estivesse brigando com você;
  • Não tem conta em banco (só em dinheiro vivo… tipo agiota…).

De profissionais de eventos:

  • Não tem currículo;
  • Não tem fotos (para recepcionistas de eventos precisa de boas fotos);
  • Não atende o celular ou demora para retornar;
  • Vai na seleção ou entrevista com aparência desleixada (mulambo, zuado, sujo, descabelado…);
  • Falta no trabalho;
  • Chega atrasado no evento;
  • Trata evento como “bico” (e faz questão de divulgar…ZERO comprometimento…);
  • Postura inadequada em redes sociais (discussões fúteis e palavreado de baixo nível…).

Agora quero te fazer uma pergunta e gostaria que fosse sincero (a) comigo. Imagine que eu me enquadrasse em vários dos pontos citados acima. Você contrataria a minha empresa de eventos? Você me chamaria para trabalhar com eventos? Com certeza não!

A sua postura e imagem (ou a imagem da sua empresa de eventos) deve aos olhos do contratante ser a MAIS PROFISSIONAL POSSÍVEL! repito, a MAIS PROFISSIONAL POSSÍVEL!

Me desculpe a repetição, mas quero que realmente você entenda a importância disso.

Investir na sua “cara”, imagem e apresentação, colocará você ao lado do melhores profissionais de eventos.

PASSO 6: Invista em relacionamentos

Você já deve ter ouvido a expressão popular: “Quem não é visto, não é lembrado”!

É a mais pura verdade quando falamos em relacionamento (networking) dentro de eventos.

Para trabalhar com eventos e ter sucesso, recomendo que você invista fortemente em relacionamento. Isto vai exigir que você esteja disposto (a) a conhecer pessoas e profissionais novos.

Aqui vão alguma dicas:

  • Faça contatos com empresas de eventos da sua região;
  • No caso de empresas, busque parcerias com outras empresas de eventos;
  • Vá pessoalmente em algum evento. Identifique o produtor responsável e tente bater um papo rápido;
  • Faça um curso de eventos ou treinamentos;
  • Crie um perfil no Linkedin e adicione profissionais de eventos. O Linkedin é uma rede social com foco profissional;
  • Interaja nas redes sociais publicando algo de valor (um livro que esteja lendo, a foto sua em um evento, um vídeo, etc…);
  • Participe de grupos de discussão focados em eventos (existem vários grupos no Facebook, no WhatsApp e no Telegram);
  • Interaja com o meio e profissionais de eventos.

Aplique tudo isso e as portas se abrirão. Uma coisa levará a outra e você conseguirá a tão sonhada oportunidade que desejava.

Em qualquer encontro ou interação social, adote um postura otimista e simpática. Esteja disponível não apenas para falar, mas para ouvir o que outros profissionais tem a dizer sobre determinado assunto.

E pra finalizar este tópico. Inicie agora!

Me adicione nas redes sociais e manda uma mensagem pra mim! (estou falando sério!). Vá no menu “Sobre” deste site. Lá tem todos os meus contatos.

PASSO 7: Não seja muito seletivo (a)

Se deseja trabalhar com eventos e conquistar uma oportunidade rápida, recomendo que você seja o tipo de profissional pau para toda obra.

Se você estiver iniciando com eventos, não seja seletivo de mais com as oportunidades que surgirem. Abrace tudo! Tudo mesmo! Qualquer cargo, função ou oportunidade dentro de eventos. Mesmo aquelas não remuneradas (voluntariado) e mesmo aquelas que talvez você não se identifique em um primeiro momento.

Lembre-se que você está começando e precisa adquirir experiências e construir relacionamentos (networking).

Siga esta orientação e colherá muitos benefícios. Não se esqueça que:

  • Um trabalho pequeno, se bem feito, pode levar a um trabalho maior;
  • Estar em um evento é estar no mercado e conhecer outros profissionais;
  • Estar em um evento é estar em movimento e como consequência ficar por dentro dos principais acontecimentos do setor (e oportunidades!);
  • Um trabalho não remunerado pode virar uma oportunidade remunerada;
  • Nem tudo é dinheiro! Trabalhar em um evento é investir em conhecimento prático (lembra que vimos isso no passo 4?);
  • Descoberta. Abraçar no início qualquer oportunidade, fará com que você descubra quais caminhos desejará seguir para o seu futuro em eventos.

Não estou afirmando aqui que você deva aceitar sempre tudo o que te proporem. Siga estas orientações principalmente no início e aos poucos a experiência adquirida irá te proporcionar novas escolhas e caminhos.

À partir daí você poderá direcionar a sua carreira dentro de eventos.

CONCLUSÃO

O setor de eventos é gigantesco e possui uma infinidade de oportunidades para aqueles que desejam trabalhar com eventos.

Siga este passo a passo, confie em você e seja persistente! Tem uma frase que sempre falo ou escrevo (é o que eu prego na verdade):

“Você pode conquistar tudo o que você quiser dentro de Eventos”!

Siga confiante e seja persistente! Logo irá alcançar o sucesso como profissional de eventos.

Estarei torcendo pela sua vitória! 🙂

Deixe o seu comentário no final deste artigo 🙂

Sucesso em Seus Eventos!

Murilo Sola – Empresário e Expert em Eventos

CLIQUE sobre o ícone, compartilhe este artigo e leve conhecimento para outros profissionais de eventos. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on email

Este post tem 2 comentários

  1. Evanir

    Maravilha muitas informação

    1. Murilo Sola

      Obrigado por participar com a gente Evani. Sucesso em seus Eventos 🙂

Deixe um comentário